Queijo polenguinho: O que é, informações nutricionais e ele é saudável?

Queijo polenguinho: O que é, informações nutricionais e ele é saudável?

Queijos, de uma maneira geral, fazem parte do cardápio dos brasileiros desde cedo!

São uma excelente opção de lanche, por exemplo, e na correria do dia a dia quanto mais prática for a apresentação então, melhor ainda!

Nesse contexto, um produto bem conhecido no Brasil é o Polenguinho, que por ser prático acaba sendo a opção de muitos consumidores. Atualmente, a linha Polenguinho conta com as versões tradicional, light, zero lactose, cheddar, gruyere, gorgonzola, e requeijão tradicional e light.

Mas você sabe o que é o Polenguinho? Será que ele é saudável?

Vamos esclarecer esses pontos em seguida:

O que é o Polenguinho?

O Polenguinho é um queijo processado UHT.

Traduzindo….

Queijo processado (também conhecido como queijo fundido ou queijo processado pasteurizado) é um produto alimentar preparado a partir de queijos normais e de outros ingredientes lácteos aos quais são adicionados emulsionantes, sal e corantes.

Esse tipo de queijo surgiu dos esforços que alemães e suíços fizeram para encontrar uma forma de exportar queijos para países de clima quente.

Basicamente, o princípio básico do processamento do queijo processado ou fundido é o mesmo do requeijão (ou melhor, o requeijão é o mesmo do processado uma vez que este surgiu primeiro que o requeijão) e compreende: obtenção de massa (neste caso utilização de vários tipos de queijos), preparo da massa (limpeza, trituração), cálculos de formulações, fusão (sais fundentes, calor e ação mecânica) e por fim envase ou embalagem.

Polenguinho na dieta, pode? Engorda?

Os queijos normalmente mais prescritos em dietas são os queijos brancos. Os queijos brancos ou preparados lácteos mais saudáveis são: cottage, ricota fresca, queijo frescal, Polenguinho, requeijão cremoso e creme de ricota.

Por outro lado, quanto mais brilhante e amarelo for o queijo, mais rico em gordura ele será. Os queijos amarelos também são os mais calóricos e mais salgados. Há exceções: o queijo cheddar, por exemplo, é amarelo, mas leva bastante corante para atingir o tom. Um dos campeões em gordura é o queijo gorgonzola.

Embora seja um alimento rico em proteínas e cálcio, a gordura de origem animal dos queijos, além de engordar, pode aumentar consideravelmente os níveis de colesterol (quando consumido em excesso, isso não quer dizer que você não pode comer qualquer tipo de queijo com moderação!).

Portanto, como podemos observar, o Polenguinho “engorda” tanto quanto qualquer outro queijo branco comum. Dessa maneira, se você consumir apenas a porção dentro de um planejamento alimentar equilibrado, ele poderá integrar sua rotina sem maiores “problemas”.

Abaixo apresentamos uma tabela nutricional comparativa:

Tabela Nutricional Comparativa

Tabela NutricionalQueijo CottageCreme de ricota lightRicota frescaQueijo frescal lightPolenguinho lightRequeijão Cremoso
Porção30g30g30g30g30g30g
Calorias25.2 kcal44 kcal30 kcal37.2 kcal51 kcal56 kcal
Carboidratos0g1.2g0g1.02g1.5g1g
Proteínas4.23.7g3g3.93.8g4g
Gorduras totais0.9g2.7g2g1.92g3.3g4g
Sódio90mg104mg127mg162mg187mg140mg

Como podemos observar na tabela acima, uma porção de Polenguinho light só “perde” em termos de calorias para o requeijão, bem como no item gorduras.

Além disso, é o produto mais rico em sódio, o que acaba contribuindo para a retenção hídrica, por exemplo, que quando associada a demais hábitos de vida não saudáveis acaba sendo um fator que contribui para o aumento do peso e da pressão arterial.

Ingredientes

De acordo com o fabricante, a versão light do produto conta com uma redução de 38% em calorias.

Os ingredientes do Polenguinho light são: Água, Queijos (leite pasteurizado, cloreto de sódio, cloreto de cálcio, coalho e fermento lácteo), Leite Desnatado Reconstituído, Manteiga, Concentrado Proteico de Leite, Vitaminas A, D e E, Cloreto de Sódio, Estabilizantes Polifosfato de Sódio, Pirofosfato Tetrassódico, Tripolifosfato de Potássio, Ácido de Sódio e Pirofosfato Tetrapotássico, Regulador de Acidez Ácido Cítrico e Conservador Ácido Sórbico.

Todos esses nomes estranhos e confusos são aditivos alimentares adicionados ao alimento. Estes apresentam funções de: aromatizantes, emulsificantes, reguladores de acidez, conservantes, entre outras. Ou seja, deixam o produto mais “gostoso”, com a textura mais interessante além, é claro, de aumentar o tempo de validade do produto. No entanto, mesmo com tais funções, não é recomendado o consumo exagerado de produtos ricos em aditivos alimentares, onde se enquadra o Polenguinho.

Além disso, o fabricante alerta para componentes alérgicos como derivados de leite e soja, e a possibilidade de conter ovo. Essa versão contém lactose (o açúcar do leite), e não contém glúten como qualquer outro queijo.

Como vimos, embora não seja a opção mais saudável (mas também não é a pior), o Polenguinho pode ser incluído na rotina alimentar pela praticidade, principalmente, desde que se consuma apenas uma porção ao dia.

O Polenguinho pode ser uma boa opção para ser consumido entre as refeições, após os treinos ou, até mesmo, para um rápido café da manhã no transporte público, por exemplo.

Agora, se você não quer abrir mão do seu Polenguinho, mas prefere uma versão mais saudável, aí vai uma receita:

Queijo Tipo Polenguinho caseiro

Ingredientes:

  • 2 copos de leite desnatado;
  • 5 colheres de sopa de amido de milho;
  • 250 gramas de queijo branco light, passado por uma peneira ou espremedor de batata. Caso queira diminuir ainda mais o valor calórico, substitua o queijo por ricota;
  • Sal a gosto;
  • Ervas finas a gosto (opcional).

Preparo:

Leve o leite e o amido de milho ao fogo, mexendo até engrossar. Retire o creme do fogo. A seguir, coloque o queijo branco. Incorpore bem para homogeneizar. Prove o sal. Coloque em recipiente untado, deixe esfriar e leve à geladeira. Depois de frio, corte em quadrados.

Importante: para manter a dieta, procure cortar os quadradinhos do tamanho do Polenguinho original.

Dicas!

  • Polenguinho não contem glúten, por esse motivo, está liberado para celíacos;
  • 2 porções de polenguinho equivalem a 100 ml de leite;
  • Polenguinho é um queijo que pode ser transportado sem a necessidade de refrigeração;
  • O Polenguinho pode ser consumido em dietas Low Carb.

Referências:

  1. Tudo sobre queijo. Queijo fundido. Disponível em: https://www.queijosnobrasil.com.br/portal/tudo-sobre-queijo/123-queijo-fundido;
  2. Polenghi. Disponível em: https://polenghi.com.br/polenguinho.
Marcações:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *