Castanha do pará emagrece ou engorda?

Castanha do Pará emagrece ou engorda?

Muitos são os benefícios da castanha do Pará, afinal, em pequenas quantidades, estas oleaginosas fornecem gorduras boas, proteínas, fibras e minerais essenciais para a manutenção da saúde. Além disso, é um alimento funcional que representa a riqueza do nosso Brasil!

Mas afinal, a castanha do Pará emagrece ou engorda?

Os critérios que auxiliam no emagrecimento ou ganho de peso devem ser avaliados a partir dos nutrientes que compõe o alimento, além, é claro, de toda a alimentação diária que compõe o hábito alimentar.

Acompanhe a seguir a composição nutricional da castanha do Pará para entender melhor porque essa oleaginosa pode auxiliar no emagrecimento:

Oleaginosa rica em gordura boa

A castanha do Pará é uma oleaginosa do mesmo grupo das nozes e das amêndoas, as quais contêm uma fração lipídica de boa qualidade.

Nesta fração de gorduras, são encontrados os ácidos graxos poli-insaturados, como o ácido oleico (ômega 9) e o essencial ácido linoleico (ômega 6), que fornecem benefícios para a saúde, pois atuam aumentando as taxas de HDL (o bom colesterol) e diminuindo as taxas de LDL (o colesterol ruim). Por esse motivo, são consideradas gorduras boas!

Diferente das gorduras presentes nos alimentos industrializados, a gordura vegetal da castanha do Pará não contém conformações trans, que podem ser prejudiciais à saúde.

Devido ao seu alto teor de gorduras, a castanha do Pará fornece energia para o corpo se manter ativo e, quando consumida, gera a sensação de saciedade, que retarda por mais tempo o aparecimento da fome.

Presença das fibras

As fibras presentes na castanha do Pará também são responsáveis pela sensação de saciedade, afinal, durante o processo de digestão, apresentam a capacidade de reter água, formando uma espécie de gel no trato digestório, o que contribui para um atraso no esvaziamento gástrico, auxiliando no retardamento da fome.

Estas também atuam no equilíbrio de absorção das gorduras, auxiliando na manutenção dos níveis ideais de colesterol e triglicerídeos, tornando-se importantes aliadas na prevenção de doenças cardiovasculares.

As proteínas na castanha do Pará

A proteína é um nutriente digerido de forma mais lenta, sendo assim, também pode auxiliar no aumento da sensação de saciedade, controlando o apetite e ajudando a diminuir aquela “vontade de comer”.

Ainda, o consumo de proteínas também conta com a chamada termogênese, ou seja, o efeito térmico de cada alimento, que representa o aumento do gasto energético após sua ingestão. O efeito térmico da proteína é o maior dentre os outros nutrientes (como os carboidratos e os lipídeos), o que pode explicar a redução de peso com uma dieta com maior quantidade de proteínas.

Castanha do Pará: a aliada do emagrecimento?

Embora contenha um alto teor de gorduras, o que contribui para o fornecimento de calorias, a castanha do Pará pode ser um alimento benéfico para quem quer perder peso.

Essa oleaginosa deve ser adicionada à uma alimentação equilibrada, variada e saudável e em quantidades pequenas, o que representa 1 a 2 unidades por dia.

Mas, vale lembrar: nenhum alimento deve ser considerado vilão ou herói do emagrecimento, afinal, a manutenção de um peso saudável só ocorrerá a partir e uma alimentação correta como um todo, e não através de um único alimento.

Opte sempre por alimentos naturais e saudáveis e procure um nutricionista para obter melhores resultados à sua saúde!

Referências:

  1. Tabela Brasileira de Composição de Alimentos (TBCA). Universidade de São Paulo (USP). Food Research Center (FoRC). Versão 6.0. São Paulo, 2017. [Acesso em: 03/07/2018. Disponível em: http://www.fcf.usp.br/tbca/
  2. Santos, O. V. Estudo das potencialidades da castanha-do-brail: produtos e subprodutos. Tese. Faculdade de Ciências Farmacêuticas da Universidade de São Paulo. São paulo, 2012
  3. International Nut & Dried Fruit. Brazil Nut. Acesso em: 04/07/2018. Acesso em: http://www.nutfruit.org/en/brazil-nut/

Escrito por

Techandra Karani Carneiro Sodré

Nutricionista com CRN 17100330 formada em Nutrição pela UNIRIO

Pós Graduanda em Prescrição de Fitoterápicos e Suplementação Nutricional Clínica e Esportiva - UCAM Mestranda em Ciências Aplicadas a Produtos para a Saúde - UFF

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *