Castanha do pará emagrece ou engorda?

Muitos são os benefícios da castanha do Pará, afinal, em pequenas quantidades, estas oleaginosas fornecem gorduras boas, proteínas, fibras e minerais essenciais para a manutenção da saúde. Além disso, é um alimento funcional que representa a riqueza do nosso Brasil!

Mas afinal, a castanha do Pará emagrece ou engorda?

Os critérios que auxiliam no emagrecimento ou ganho de peso devem ser avaliados a partir dos nutrientes que compõe o alimento, além, é claro, de toda a alimentação diária que compõe o hábito alimentar.

Acompanhe a seguir a composição nutricional da castanha do Pará para entender melhor porque essa oleaginosa pode auxiliar no emagrecimento:

Oleaginosa rica em gordura boa

A castanha do Pará é uma oleaginosa do mesmo grupo das nozes e das amêndoas, as quais contêm uma fração lipídica de boa qualidade.

Nesta fração de gorduras, são encontrados os ácidos graxos poli-insaturados, como o ácido oleico (ômega 9) e o essencial ácido linoleico (ômega 6), que fornecem benefícios para a saúde, pois atuam aumentando as taxas de HDL (o bom colesterol) e diminuindo as taxas de LDL (o colesterol ruim). Por esse motivo, são consideradas gorduras boas!

Diferente das gorduras presentes nos alimentos industrializados, a gordura vegetal da castanha do Pará não contém conformações trans, que podem ser prejudiciais à saúde.

Devido ao seu alto teor de gorduras, a castanha do Pará fornece energia para o corpo se manter ativo e, quando consumida, gera a sensação de saciedade, que retarda por mais tempo o aparecimento da fome.

Presença das fibras

As fibras presentes na castanha do Pará também são responsáveis pela sensação de saciedade, afinal, durante o processo de digestão, apresentam a capacidade de reter água, formando uma espécie de gel no trato digestório, o que contribui para um atraso no esvaziamento gástrico, auxiliando no retardamento da fome.

VEJA TAMBÉM:  Diferenças entre a gordura vegetal e a gordura animal

Estas também atuam no equilíbrio de absorção das gorduras, auxiliando na manutenção dos níveis ideais de colesterol e triglicerídeos, tornando-se importantes aliadas na prevenção de doenças cardiovasculares.

As proteínas na castanha do Pará

A proteína é um nutriente digerido de forma mais lenta, sendo assim, também pode auxiliar no aumento da sensação de saciedade, controlando o apetite e ajudando a diminuir aquela “vontade de comer”.

Ainda, o consumo de proteínas também conta com a chamada termogênese, ou seja, o efeito térmico de cada alimento, que representa o aumento do gasto energético após sua ingestão. O efeito térmico da proteína é o maior dentre os outros nutrientes (como os carboidratos e os lipídeos), o que pode explicar a redução de peso com uma dieta com maior quantidade de proteínas.

Castanha do Pará: a aliada do emagrecimento?

Embora contenha um alto teor de gorduras, o que contribui para o fornecimento de calorias, a castanha do Pará pode ser um alimento benéfico para quem quer perder peso.

Essa oleaginosa deve ser adicionada à uma alimentação equilibrada, variada e saudável e em quantidades pequenas, o que representa 1 a 2 unidades por dia.

Mas, vale lembrar: nenhum alimento deve ser considerado vilão ou herói do emagrecimento, afinal, a manutenção de um peso saudável só ocorrerá a partir e uma alimentação correta como um todo, e não através de um único alimento.

Opte sempre por alimentos naturais e saudáveis e procure um nutricionista para obter melhores resultados à sua saúde!

Referências:

  1. Tabela Brasileira de Composição de Alimentos (TBCA). Universidade de São Paulo (USP). Food Research Center (FoRC). Versão 6.0. São Paulo, 2017. [Acesso em: 03/07/2018. Disponível em: http://www.fcf.usp.br/tbca/
  2. Santos, O. V. Estudo das potencialidades da castanha-do-brail: produtos e subprodutos. Tese. Faculdade de Ciências Farmacêuticas da Universidade de São Paulo. São paulo, 2012
  3. International Nut & Dried Fruit. Brazil Nut. Acesso em: 04/07/2018. Acesso em: http://www.nutfruit.org/en/brazil-nut/

Sobre o autor

Nutricionista com CRN 17100330

Faculdade de Nutrição – UNIRIO
Pós Graduanda em Prescrição de Fitoterápicos e Suplementação Nutricional Clínica e Esportiva – UCAM
Mestranda em Ciências Aplicadas a Produtos para a Saúde – UFF

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *