Termogênico: Como funciona e como tomá-lo para emagrecer

Termogênico: Como funciona e como tomá-lo para emagrecer

A termogênese nada mais é do que o processo de produção de calor no corpo humano. Sendo assim, os termogênicos, também conhecidos como “queimadores de gorduras”, são suplementos alimentares que aumentam a temperatura corporal, auxiliando no aumento do metabolismo e, consequentemente, na queima de calorias.

Por isso, muitas pessoas que desejam perder peso optam por utiliza-los. O exercício físico exige maior consumo de energia do corpo e, aliado com o produto termogênico, a queima de calorias pode ser ainda maior.

Cabe lembrar que, além dos suplementos termogênicos, também podemos contar com alimentos que apresentam características termogênicas. Os alimentos termogênicos são responsáveis por apresentar um maior nível de dificuldade em serem digeridos pelo organismo, fazendo com que o corpo necessite consumir maior quantidade de energia para realizar a digestão.

De modo geral, todos os alimentos gastam energia para serem digeridos, tendo a capacidade de aumentar a temperatura corporal e acelerar o metabolismo, porém, existem os que se destacam, pois induzem o metabolismo a trabalhar com ritmo mais acelerado do que os demais, gastando assim mais calorias.

Um dos principais componentes termogênicos encontrados para venda, tanto isoladamente quanto dentro de outros suplementos, é a cafeína. Também se destacam o chá verde (camellia sinensis), o extrato de pimenta, o extrato de laranja (citrus aurantium) e o guaraná (paullinia cupana kunth).

Por que muitas pessoas optam por usar os termogênicos?

A busca por um “corpo perfeito” e um ótimo rendimento nos exercícios físicos leva inúmeras pessoas a adotar estratégias para aumentar a massa muscular, queimar excesso de gordura corporal ou aumentar a performance.

Muitas vezes, seguir apenas a dieta e o exercício sem um plus a mais, acaba sendo “sem graça” e muitos indivíduos optam por usar os termogênicos, já que existem estudos comprovando seus benefícios.

Veja também sobre emagrecimento e dietas!

Como funcionam os termogênicos?

Como falamos acima, por ter a característica de aumentar a temperatura do corpo e, assim, acelerar o metabolismo, a ingestão de termogênicos obriga o seu organismo a queimar mais energia para funcionar adequadamente e é assim que ocorre o aumento da perda calórica e, consequentemente, a perda de peso.

Fontes naturais de termogênicos:

  • Gengibre – capacidade de aumentar a temperatura corporal podendo intensificar em até 10% a taxa de gasto energético pelo organismo;
  • Pimenta vermelha – é o termogênico natural mais eficiente e acessível que existe, e que pode aumentar em até 20% a queima de gordura através do metabolismo;
  • Chás (chá verde, chá branco, erva mate, café preto, café verde) – presença de duas substâncias, a cafeína e as catequinas, as quais otimizam os efeitos uma da outra, tornando alguns chás ótimos termogênicos naturais;
  • Ácido linoleico conjugado (CLA) – tipo de gordura encontrado principalmente na carne de bovino alimentado com pasto e em produtos lácteos crus. Estudos mostram que pessoas que consomem CLA têm um aumento da perda de gordura, preservando a massa magra;
  • Carnitina – derivada de um aminoácido, oferece um ligeiro efeito estimulante, apoiando a oxidação e o metabolismo das gorduras no corpo, diminuindo o cansaço durante a atividade física e auxiliando na recuperação pós-treino.

Veja também, como fazer 7 receitas de chás termogênicos!

Forma ideal de consumir os termogênicos:

Qualquer indicação de suplementação alimentar deve ser realizada por um profissional de saúde especializado, que conheça suas necessidades e seus hábitos alimentares e também as suas práticas esportivas.

No entanto, de forma geral, é recomendado utilizar os termogênicos entre 40-50 minutos antes dos treinos, mas esse tempo varia de acordo com a concentração do produto.

Além disso, incluir no dia a dia as fontes alimentares termogênicas sempre cai bem, veja essas dicas:

  • Fazer chás com gengibre, canela, chá verde e tomar longe das principais refeições;
  • Colocar uma colher pequena de óleo de coco e canela no seu café;
  • Incluir pimentas nas refeições principais;
  • Misturar nos iogurtes canela e óleo de coco.

Efeitos Colaterais dos termogênicos:

Apesar de parecerem ótimos para perder peso, os termogênicos também podem ser prejudiciais, pois apresentam efeitos colaterais. Tanto através de suplementação ou pela alimentação, os termogênicos podem apresentar uma série de efeitos negativos para a saúde quando ingeridos em doses exageradas, afinal, tudo em excesso faz mal.

Veja alguns sintomas de efeitos colaterais que você pode sentir:

  • Insônia e agitação: se for consumir a noite, é recomendado que seja ao menos 5 horas antes de dormir, já que a base de muitos termogênicos é a cafeína, substância que pode prejudicar o sono;
  • Dores de cabeça: por acelerar o metabolismo, o termogênico pode causar dores de cabeça leves ou enxaqueca;
  • Enjoos e vômitos;
  • Arritmia cardíaca: quando o  metabolismo acelera, mais os batimentos tendem a acelerar;
  • Aumento da pressão arterial pelo aumento maior de pressão sanguínea;
  • Falta de concentração: quanto mais agitado, maior será a falta de concentração em suas atividades rotineiras.

Os termogênicos não são recomendados para quem apresenta determinadas doenças, como: pressão alta, doenças do coração e diabetes.

Procure sempre um nutricionista para fazer exames e ter certeza de que não haverá problema ao tomar os termogênicos e também saber qual o melhor suplemento e a dose mais adequada para você!

Receitas termogênicas:

Suco Termogênico

Ingredientes:

  • 200 ml de água de coco
  • 1 pedaço médio de abacaxi
  • 1 colher de chá de gengibre em pó
  • 1 maçã pequena sem a casca
  • 1 folha de couve manteiga
  • Gelo

Modo de Preparo:

Coloque todos os itens no liquidificador e bata até formar o suco, não adoçar e servir.

Molho para Salada Termogênico

Ingredientes:

  • 1 pedaço de gengibre pequeno (4-5 cm)
  • 1 pote de iogurte desnatado natural sem açúcar
  • 1 colher de café de noz moscada em pó
  • 1 colher pequena de azeite de oliva extra virgem
  • Folhas de hortelã bem picadas
  • 1 colher de limão espremido

Modo de preparo:

Descasque e rale o gengibre. Acrescente todos os demais ingredientes e misture. Sirva e armazene em geladeira depois de pronto.

Chá Termogênico

Ingredientes:

  • 200 ml de água filtrada
  • 1 canela em pau
  • 1 colher de sopa de chá verde

Modo de preparo:

Coloque a água no fogo e antes de ferver desligue-o. Despeje o chá verde e a canela. Tampe por 7 minutos e sirva quente.

OBS: é importante não deixar a água ferver, assim que começar a fazer pequenas bolhas desligue o fogo.

Vitamina Termogênica

Ingredientes:

  • 200 ml de leite vegetal (aveia, castanha, coco ou amêndoa)
  • 1/4 de abacate
  • 1 colher de chá de canela em pó
  • 1 colher de café de pimenta do reino ou pimenta caiena
  • Gelo e adoçante xylitol ou sucralose a gosto

Modo de preparo:

Corte o abacate e coloque no liquidificador. Adicione os demais ingredientes e bata.

Frango Xadrez Termogênico

Ingredientes:

  • 500 g de filé de frango em cubinhos
  • 1 colher de café de pimenta caiena
  • 1 colher de café de açafrão
  • 1 colher de café de gengibre em pó
  • 1 pimentão vermelho cortado em quadradinhos
  • 1 pimentão amarelo cortado em quadradinhos
  • 1 cebola em rodelas grossas
  • 2 xícaras de couve flor picada
  • 2 xícaras de brócolis picado
  • 1/2 xícara de shoyu
  • 2 colheres de farelo de aveia
  • 2 colheres de amendoim sem casca torrado
  • Colorau
  • Sal
  • Azeite extra virgem

Modo de preparo:

Em uma panela grande adicione o azeite e refogue o frango. Acrescente o sal, as pimentas, o açafrão, o gengibre e o colorau. Em seguida coloque o pimentão a cebola, a couve flor, o brócolis e mexa tudo. Acrescente o shoyu e deixe cozinhar. Coloque o farelo de aveia, mexa mais pouco até engrossar. Desligue o forno, polvilhe o amendoim e sirva!

Referências:

  1. Camila B. V. G., Barreto A. F. C. S. B., Almeida M. M. , Mello, A. O. T., Ide, B. N., Santos, C. P. C. Uso de suplementação termogênica à base de cafeína e fatores associados a qualidade de vida relacionada a saúde em praticantes de atividade física. Revista Brasileira de Prescrição e Fisiologia do Exercício, 2014. Disponível em: http://www.rbpfex.com.br/index.php/rbpfex/article/view/685
  2. BACUARU, RF. Nutrição e suplementação desportiva. Editora Phorte. 5ª ed. São Paulo, SP, 2007
  3. Muraro, C. R., Saldanha, R.P. Uma revisão de literatura sobre o uso de termogênicos e seus efeitos no organismo. R. Perspect. Ci. e Saúde 2016;1(1): 85-96. Disponível em: http://sys.facos.edu.br/ojs/index.php/perspectiva/article/view/12

Escrito por

Priscila Rocha Braga

Nutricionista com CRN 10100996 formada em Nutrição pela Universidade Estácio de Sá

Pós-graduação em Nutrição Esportiva e Estética com Ênfase em Wellnes pelo Centro Universitário São Camilo. MBA em Qualidade e Segurança dos Alimentos para UAN pela Universidade Veiga de Almeida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *