O que é Chá Verde e quais seus benefícios

O que é Chá Verde e quais seus benefícios

Talvez você já tenha ouvido falar sobre o chá verde e seus benefícios, e tenha se perguntado: será que funciona mesmo? Mas o que ele faz? Será que é bom para a saúde?

Vamos mostrar a seguir alguns dos benefícios comprovados desse chá, que pode ser considerado um superalimento!

O que é o chá verde?

Chás, em geral, são a segunda bebida mais consumida ao redor de todo o mundo, ficando atrás apenas da água.

No Brasil, identificamos toda infusão com folhas, frutos ou brotos como “chá“.

O chá verde é derivado das folhas da planta Camellia sinensis e têm diversas variedades.

Existem apenas quatro tipos de chás que são reconhecidos mundialmente: o branco, o verde, o preto e o oolong.

Dos consumidores mundiais, 76% bebem chá preto, 20% o chá verde e os 4% restantes, o branco e o oolong.

Embora sejam feitos da mesma planta, há diferenças entre esses chás, no processamento de cada um e na matéria prima.

O chá verde pode ser apreciado quente, frio ou mesmo em pó, e é reconhecido por seus vários benefícios para a saúde.

Seu principal atrativo é devido a riqueza de compostos bioativos nele presente. Compostos como antioxidantes (catequinas e flavonoides), cafeína, vitaminas e minerais.

Resumo:

O chá verde é derivado das folhas da planta Camellia sinensis, é compostos por antioxidantes, cafeína, vitaminas e minerais. Devido à esses compostos bioativos, o chá verde é reconhecido por seus vários benefícios para a saúde.

Composição do chá verde

De modo geral, o chá verde apresenta a seguinte composição nutricional:

  • Aminoácidos (as menores partes que formam as proteínas): triptofano, glicina, tirosina, teanina entre outros;
  • Antioxidantes (compostos que atuam no combate aos radicais livres): polifenóis, como as catequinas, os flavonoides e os taninos;
  • Cafeína, que apesar de se apresentar em quantidades bem inferiores às que são encontradas no café, gera resultados positivos ao sistema nervoso;
  • Vitaminas do complexo B, vitamina C, vitamina E e vitamina K;
  • Minerais, como o manganês, o zinco e o potássio, que variam de acordo com a origem das folhas.

Resumo:

Composto por aminoácidos, antioxidantes, cafeína, vitaminas e minerais.

Benefícios do chá verde à saúde

O chá verde agrega múltiplos benefícios para a saúde, sendo alguns deles relacionados à perda e à manutenção do peso corporal.

A bebida também melhora o sistema imunológico, o sistema cardiovascular e ajuda na prevenção e no combate de tumores.

1. Potencial antioxidante

O grande potencial antioxidante presente no chá verde é atribuído à presença dos polifenóis em geral, mas principalmente pela existência entre eles das catequinas.

É um ótimo aliado à manutenção da estrutura e do funcionamento das células saudáveis do corpo, e evita o envelhecimento precoce.

2. Saúde bucal

As catequinas do chá verde podem inibir o crescimento de bactérias e alguns vírus.

Isso pode diminuir o risco de infecções e levar a melhorias na saúde bucal, menor risco de cárie e redução do mau hálito.

3. Prevenção e combate de tumores

O chá verde já é amplamente aceito como um meio de prevenir e até mesmo combater alguns tipos de câncer.

A eficácia na inibição da transformação de células sadias em células cancerígenas já foi comprovada em alguns órgãos, como os pulmões, o fígado, os ovários, o estômago, a pele e a próstata.

Há estudos que conseguiram correlacionar ainda a inibição da mutação celular com o aumento de apoptose de células (morte celular programada) já contaminadas.

Não só isso, mas como também a diminuição da proliferação celular de células cancerígenas.

Tudo isso devido a ação antioxidante das catequinas, que atuam nos radicais livres e nas células com crescimento desregulado.

4. Sistema cardiovascular

A ingestão regular do chá verde melhora a saúde do sistema cardiovascular. Isto ocorre devido à presença dos polifenóis, que fazem com que a formação de coágulos diminua.

Outro importante benefício é o auxílio na manutenção da pressão arterial.

Os componentes encontrados no chá verde fortalecem as artérias e as veias.

Devido à presença de taninos e, quando aliado a uma alimentação com baixo teor de gorduras saturadas e rica em fibras, vitaminas e minerais, auxilia na diminuição de LDL-colesterol ou como é comumente conhecido, o colesterol ruim.

Dessa forma o chá verde tem mostrado reduzir o colesterol total e LDL.

5. Diminuição no risco de Diabetes

Alguns estudos mostram que o chá verde pode causar reduções moderadas nos níveis de açúcar no sangue.

Também pode diminuir o risco de desenvolver diabetes tipo 2.

6. Sistema imunológico

As catequinas são comprovadamente polifenóis com ações antibacteriana e antiviral.

Além disso, quando tomamos chá verde absorvemos outros nutrientes que fortalecem o sistema imunológico – vitamina C, vitamina K, vitaminas do complexo B, manganês, etc.

7. Saúde mental

Os compostos bioativos do chá verde podem ter vários efeitos protetores no cérebro.

Eles podem reduzir o risco de Alzheimer e Parkinson, os dois distúrbios neurodegenerativos mais comuns.

Além disso, a cafeína tem efeito estimulante, promove a liberação de dopamina e noradrenalina.

Outro composto com importante atuação nessa questão é a teanina, que também estimula a produção de dopamina.

Sendo assim, a ingestão do chá verde melhora o estado de humor, combate a depressão e nos mantém mais dispostos.

Resumo:

Os benefícios do chá verde incluem: potencial antioxidante, saúde bucal, prevenção de câncer, saúde do sistema cardiovascular, diminuir o risco de desenvolver diabetes tipo 2, fortalecem o sistema imunológico, saúde mental (reduzir o risco de Alzheimer e Parkinson), entre outros.

Chá verde para emagrecer

Folhas de chá contêm muitos compostos benéficos.

Um dos compostos do chá verde é a cafeína.

A cafeína é um estimulante bem conhecido que ajuda a queima de gordura e melhora a disposição.

No entanto, os componentes em maior quantidade no chá verde são os antioxidante. Estudos mostram que beber uma xícara de chá verde aumenta a quantidade de antioxidantes na corrente sanguínea.

O principal antioxidantes desse chá são as catequinas, uma substância que pode estimular o metabolismo e ajudar as pessoas a queimarem de 3 a 4% a mais de calorias por dia.

Além disso, esses compostos podem aumentar a queima de gordura. Esse efeito é ainda mais forte durante o exercício.

Uma outra forma do chá verde ajudar na perda de peso é reduzir o apetite.

Isso teoricamente faria você consumir menos calorias ao dia e conseqüentemente emagrecer.

Também pode ajudá-lo a perder gordura abdominal, uma gordura que é particularmente prejudicial à sua saúde.

Esse benefício do chá verde no emagrecimento pode funcionar ainda melhor quando combinado com outras estratégias eficazes de perda de peso, como comer mais proteínas e controlar carboidratos.

Para a obtenção de resultados efetivos é recomendado que o consumo seja de 4 a 6 xícaras por dia, não ultrapassando um litro diário. Por um período de pelo menos 3 meses!

Resumo:

As catequinas e cafeína presentes no chá verde proporcionam um aumento na taxa metabólica e na queima de gordura, ajuda a reduzir apetite, perder peso e reduzir circunferência abdominal (gordura abdominal).

Como fazer chá verde e como tomar

Em outra matéria, falamos mais um pouco sobre esse chá incrível e explicamos como fazê-lo.

Além disso, falamos como tomar o chá verde. Acesse e confira!

O chá verde apresenta fácil ingestão por apresentar-se agradável ao paladar, uma vez que não passa por um processo extenso de oxidação.

Outro ponto positivo para a inclusão do chá verde na alimentação diária se deve ao fato de ser um produto de baixo custo e de fácil acesso.

Resumo:

A partir da própria folha do chá verde. O tempo de infusão das folhas em água quente deve ser de pelo menos 5 minutos, sob agitação leve. Preparar quantidades maiores de chá por vez aumenta a eficiência na extração dos bioativos do chá. O ideal seria a proporção de 4g de folhas para 500ml de água. Tomar em até 24 horas do preparo.

Confira agora uma receita muito refrescante com chá verde

  • Receita de chá verde com gengibre e limão

Ingredientes:

  • 3 copos de água
  • 3 colheres de sopa de chá verde em folhas
  • 5g de gengibre picado ou ralado
  • Suco de ½ limão
  • 1 colher de chá de mel, opcional

Modo de preparo:

Leve ao fogo a água até começa a borbulhar, retire antes de começar a ferver e acrescente a erva junto com o gengibre. Espere cerca de 15 minutos para acrescentar o suco de limão e o mel. Pronto! O seu chá já pode ser consumido, quente ou frio, de acordo com a sua preferência.

Lembrando que uma xícara de chá verde tem apenas 2Kcal, quando ingerida sem a adição de açúcar, adoçante, mel ou outros ingredientes.

Resumo:

Acima uma receita refrescante de chá verde com gengibre e limão. Essa receita oferece maior conteúde de antioxidantes e aumenta a queima de gordura devida ao gengibre.

Você já experimentou o chá verde? Não?

Então corre lá e aproveite todos os benefícios que esse chá pode trazer para a sua saúde!

Observação importante:

Embora o chá verde apresente muitos benefícios, deve-se evitar o consumo em casos de gravidez, hipertensão, glaucoma ou doença psiquiátrica. O nutricionista e o médico deverão ser consultados para saber se é possível adicionar esse item ao seu hábito alimentar.

Referências:

  1. Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Vigilância Sanitária. Portaria nº 519, de 26 de junho de 1998. Disponível em: http://portal.anvisa.gov.br/documents/33916/394219/PORTARIA_519_1998.pdf/0f05b918-ef72-41b3-8dec-02d1944813be
  2. McKay D.L., Blumberg J.B. The role of tea in human health: an update. J. Am. Coll. Nutr.; 21(1): 1-13, 2002. Disponível em: http://nutradvance.pt/wp-content/uploads/2016/04/Ref29.1.full_.pdf
  3. Cabrera C., Artacho R., Gimenez R. Beneficial effects of green tea – a review. J. Am. Coll. Nutr.; 25(2): 79-99, 2006. Disponível em: https://pdfs.semanticscholar.org/aba2/00d22e9ecc27e2a4fc058be690d1366be961.pdf
  4. Senger, A. E. V., Schwanke, C. H. A., Gottlieb, M. G. V. Chá verde (Camellia sinensis) e suas propriedades funcionais nas doenças crônicas não transmissíveis. Scientia Medica. Porto Alegre, 20(4): 292-300, 2010. Disponível em: http://revistaseletronicas.pucrs.br/ojs/index.php/scientiamedica/article/viewFile/7051/5939
  5. Pimentel-Souza, J. D. R., Souza, D. S., Gualberto, N. C. Qualidade funcional da infusão do chá verde comercial. Rev. Nutr., Campinas, 25(6): 753-763, 2012. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/rn/v25n6/07.pdf

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *